24.05.2014

Baby Ballet – Com que idade começar?

Bebês, Diversão, Saúde, Vida de Mãe

ballet

Hoje vou contar um pouco sobre a minha experiência com o “Baby Ballet”. Com 2 anos a Luisa já amaaaava ballet (ou balé..), pedia para fazer aula e até dançava em casa. Tentava né… mas eu achava tudo lindo e perfeito! kkkkk

Logo corri para matriculá-la numa aulinha da própria creche, mas para a minha surpresa – e tristeza de mãe ansiosa rsrs – ela ainda não tinha idade para fazer ballet… Na creche da Luisa, a idade ideal para o curso oferecido era de 2 anos e meio, 3 anos!;-(

Que mãe de menina não sonha em ver a filha dançando nas apresentações de fim de ano, né? Eu super sonhava! Mas tive que segurar a animação e esperar mais um pouco para garantir que tudo fosse realizado da maneira certa, sem atrapalhar no desenvolvimento dela.

Conversei com a professora de ballet da creche dela, a Betânia Vale, e ela me disse que nessa fase inicial do ballet os movimentos estão relacionados ao nível sensório motor, sem precisão na forma de execução. “Fazemos um trabalho lúdico, de técnica, consciência, criação e construção do movimento”, disse a Betânia.

Vejam todos os pontos que a Betânia me explicou que são trabalhados nessas aulas:

  • Experimentação de movimentos;
  • Investigação do espaço e do próprio corpo;
  • Jogos corporais – Fazem com que a criança descubra o prazer de dançar. Esse prazer leva a uma desenvoltura corporal que não se limita à sala de aula. A criança se torna mais presente e expressiva.

 

Com 3 anos a Luisa enfim entrou no ballet (uhuuu!) e até hoje é apaixonada pelas aulas. Acho que está sendo muito importante, pois despertou o gosto pela música, dança… e ela se diverte muito. E lógico que eu choro horrores de emoção e orgulho em cada apresentação final dela!!! rsrs

Enfim, é muito importante ter a a idade mínima indicada para não prejudicar o desenvolvimento do seu filho, que a criança se divirta, curta e sinta prazer nas aulas de ballet.

Beijos!

Fernanda Rodrigues
Comentários no Facebook
6 Comentários
  1. Adriana Oliveira 24/05/2014 | 16:01

    Oi Fê,

    Adorei seu post sobre ballet, me ajudou bastante na decisão de colocar ou não minha filha pra dançar com a idade de 3 anos, eu estava achando um pouco cedo, pois ela entrou na escolinha esse ano e achei que seria muita informação. Muito obrigada. Adoro você. Bjs

    Responder
  2. Daphene Sólis 25/05/2014 | 19:00

    Oiiii,

    Também adorei seu post, e realmente ajuda na hora de tomar a decisão. Comprei as roupinhas da minha pequena já, na loja: http://www.roupasdenenem.com.br . São incríveis, fica ai minha sugestão!

    Responder
  3. Fernanda Xavier 25/06/2014 | 13:23

    Super legal as dicas,sou professora de ballet e é realmente importante as mães saberem o momento certo de colocar as filhas no ballet e entenderem que elas não vão virar a Ana Botafogo da noite pro dia…rsrs

    Responder
  4. keyla 19/04/2015 | 14:28

    Estou muito ansiosa também para chegar essa fase da minha filha Alice começar as suas aulas de ballet. Sempre sonhei com esse momento. Ela já adora dançar, imagino ela fazendo ballet, como será? Rsrsrs.

    Responder
  5. Manuela 02/07/2015 | 09:28

    Gostei muito do seu post. A minha Sofia faz 3 anos dentro de uma semana e está a pedir para fazer as aulas. Infelizmente a professora diz que apesar da idade, por ela ser do tipo pequenino ainda não tem estrutura física para fazer as aulas. Confesso que fiquei muito triste, mas paciência. É esperar mais um pouco.

    Responder
  6. Helen 07/02/2017 | 15:24

    Boa tarde. Minha filha também estava bem animada. Andava dentro de casa dançando e vendo vídeos de balé. Fui e fiz a matrícula. Comprei as roupas e tudo. No primeiro dia de aula q fiz a maior folia ela simplesmente chorou e disse q não queria ir. :-( morri. Não sei o q fazer.queria muito q ela fosse mas pode ser q não seja a hora ainda. Jaompor questões físicas. Ela tem 3 ano e meio.

    Responder
Deixe um comentário