16.06.2016

Como prevenir acidentes domésticos com crianças?

Bebês, Cuidados Diários

Quem tem filho sabe que num piscar de olhos um acidente pode acontecer. Um segundo e pronto! E é exatamente dentro da nossa própria casa que corremos mais riscos.

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmam que a maioria dos acidentes (45%) acontece no ambiente domiciliar. As principais causas de acidentes domésticos com crianças são quedas, engasgos, asfixia, afogamentos, queimaduras e envenenamentos por remédio ou produtos de limpeza.

Por isso faça sempre uma vistoria na sua casa. Todos esses acidentes parecem óbvios, mas acontecem muito e podem ser evitados com medidas simples que garantem mais segurança para o pequenos. Vejam algumas dicas no post de hoje!

Mother with her baby playing on a carpet at home

  • Berço – Cuidado com o risco de sufocamento. Evite ter brinquedos e almofadas dentro do berço. A posição ideal para o recém- nascido dormir é de barriga para cima.
  • Banho – Sempre verifique a temperatura da água antes de colocar o bebê para evitar queimaduras. E nunca deixe uma criança sozinha em uma banheira.
  • Trocador – Nunca deixe seu bebê sozinho em cima do trocador ou da cama, nem por poucos segundos para pegar algo que esqueceu! O risco de queda é enorme.
  • Tomadas, armários e quinas – Todos precisam estar bem protegidos na fase em que o bebê começa a engatinhar e pegar tudo. Medicamentos devem ficar em armários trancados ou locais de difícil acesso.
  • Cozinha e área de serviço – Desde cedo a criança deve saber que não pode entrar na cozinha sozinha. Produtos de limpeza devem ficar em locais altos e panelas com cabo para dentro. Queimaduras no fogão e forno infelizmente são muito comuns em crianças.
  • Piscina, Baldes e Vaso sanitário – Crianças adoram água e esses três itens são responsáveis por diversos afogamentos. As piscinas devem ficar protegidas com grades e não deixe brinquedos dentro que possam atraí-las. Vasos devem ficar fechado e não deixar baldes cheios de água no chão.
  • Janelas e escadas – Todas as janelas precisam ter grade de proteção. A imaginação dos pequenos é enorme e ela não possuem noção do perigo ao subirem em uma cadeira perto da janela. Subir e descer uma escada deve ser sempre acompanhado de um adulto, tenha corrimão e proteção.
Comentários no Facebook
1 Comentário
  1. Mari Su 22/06/2016 | 17:55

    Justamente por ser tão básico as pessoas não prestam atenção. Atitudes tão simples, um pouco mais de atenção, olhar duas, três vezes para o ambiente em que a criança vai ficar pode fazer toda a diferença.

    Responder
Deixe um comentário