09.02.2015

Nunca é cedo demais para ler para o seu bebê

Bebês, Diversão, Livros e Músicas

Joyful Mother Showing Images In A Book To Her Cute Little Son

Nunca é cedo demais para você começar a ler para o seu bebê. Por mais que possa parecer que no primeiro mês de vida um bebê não tem noção do que ocorre ao seu redor,  de acordo com uma pesquisa feita pela Associação Americana de Pediatria, quando os pais leem, conversam ou cantam para seus bebês são formadas conexões importante nos seus cérebros.

Essas conexões são responsáveis pela construção da linguagem e capacidades comunicativas, além de servirem de base para alfabetização. Através dessas interações os laços entre pais e filhos são fortalecidos e esse estreitamento estimula habilidades socio-emocionais como autocontrole e sociabilidade. Por isso, a leitura é indicada desde sempre!!!

Algumas dicas de leitura para bebês:

1. Leia com emoção! Bebês com alguns dias já são capazes de reconhecer as vozes dos pais. Eles têm preferência por elas e, por isso, amam ouvi-las. Por mais que não entendam o significado das palavras ou histórias, eles vão capturar a emoção da voz e expressão do rosto.

2. Escolha livros coloridos e resistentes. As cores irão chamar a atenção deles, por isso ao alcança-los a primeira coisa que fazem é colocar na boca.

3. Planeje um tempo especial para a leitura. Crianças ativas podem perder o interesse na leitura em 1 a 2 minutos. Então, segundo o estudo, é importante dar exemplo e estimular a concentração fazendo disso um exercício recorrente. A sua atenção também precisa ser exclusiva dele nesse momento, para isso desligue a TV, computadores e celulares.

4. Fale sobre os sentimentos. Quando os bebês estão falando melhor, eles começam a identificar personagens e até completar frases de livros. Falar sobre as emoções dos personagens pode abrir um espaço para eles expressarem emoções próprias, se estão felizes ou tristes por exemplo.

5. Faça perguntas sobre a história. Isso será importante para desenvolver capacidade de interpretação, desenvolver linguagem e interesse pela leitura.

6. Continue lendo mesmo quando eles aprendem a ler. Assim como nunca é cedo demais, nunca é tarde demais. Leia livros de um nível superior aos que seu filho é capaz de ler sozinho.

Boa leitura e divirtam-se!

Fonte: Associação Americana de Pediatria

Comentários no Facebook
0 Comentários
Deixe um comentário