18.07.2017

5 dicas para deixar a troca de fraldas do bebê mais especial

Bebês, Cuidados Diários

A hora de trocar a fralda é importante para deixar nossos bebês limpinhos e cheirosinhos. Mas esse também é um momento especial para interagir com nossos pequenos. O toque, a troca de olhares, as massagens, o carinho….  são através desses cuidados diários que o vínculo entre bebê e os pais se fortalece.

A medida que o bebê vai crescendo, esse momento costuma ficar mais difícil. Como estão mais ativos, eles não gostam de ficar deitados por muito tempo e choram para se levantar toda hora. Então, selecionamos 5 dicas para tornar o processo mais divertido e especial. Confiram!

bebe 4 meses troca fralda (1)

Cante para o seu filho

Cante algumas músicas ou salve as favoritas do seu pequeno para essa hora da troca de fraldas. Ele ficará distraído e menos ansioso para se levantar.

Um brinquedo

Tenha um ou dois brinquedos exclusivamente para o trocador. E quando ele cansar, altere para outros. Isso irá distraí-lo.

Converse com seu filho

Fale com o seu bebê nesse momento, troque olhares com ele. Você pode ir descrevendo tudo o que está pegando e fazendo para ele ir te escutando.

Seja organizado

Você precisa saber onde estão os itens para trocar a fralda sem demorar muito tempo. Tudo precisa estar com fácil acesso. O tempo é essencial para a troca de fraldas.

Tenha uma vista bonita

Se você puder, tente escolher um lugar agradável para trocar as fraldas. Talvez em algum lugar em que a luz do sol entre, ou um lugar onde você possa pendurar um quadro ou uma imagem bonita. Se você estiver calmo, o bebê definitivamente ficará mais feliz.

24.05.2017

Como o pai pode se conectar com o recém-nascido

Bebês, Cuidados Diários

Uma palavra muito usada em inglês para definir a conexão que se estabelece com um filho recém-nascido é bonding, que na tradução seria “ligação”.

Father with his young baby cuddling and kissing him on cheek. Pa

Segundo especialistas, é possível que um pai estabeleça o bonding logo no nascimento, mas é muito normal também que esse vínculo paterno não aconteça de imediato nos primeiros dias, porque além da grande responsabilidade que é cuidar do novo bebê, o pai costuma estar as voltas com os cuidados da recém mãe.

Além disso, há ainda os casos de adoção e de afastamento por questões médicas. Por isso, o debate da ampliação da licença paternidade é de extrema importância. No Brasil, empresas enquadradas no programa Empresa Cidadã, oferecem 20 dias de licença paternidade. Para as demais empresas o prazo previsto por lei é de apenas 5 dias.

Como ter esse vínculo paterno, então? A melhor forma para criar essa forte conexão do pai com o bebê é através do tempo que eles passarão juntos. Vejam algumas dicas para os pais:

  • Valorize os momentos de toque de pele, através de muito carinho e contato físico o bebê se sentirá mais seguro com a sua presença.
  • Converse e cante para ele, de preferência olhando-o nos olhos.
  • Brinque com ele todos os dias, recém-nascidos também curtem os momentos de brincadeira.
  • Use um sling.
  • Leia para ele regularmente, com o bebê bem próximo ao corpo.
  • Repita os movimentos e sons emitidos, isso estabelecerá as primeiras comunicações.
  • Estabeleça alguns momentos “de vocês”, o banho pode ser uma hora importante e divertida. Repleto de toques, olhares e carinhos. No post “A Hora do Banho” falamos mais sobre isso.

 

10.05.2017

Dar colo ajuda no desenvolvimento cerebral do seu bebê

Bebês, Cuidados Diários

colo_bebe

Você dá colo para o seu bebê e escuta o tempo todo que ele ficará mal acostumado? Pois fique tranquila! Mais uma pesquisa veio para desmistificar que o colo estraga a criança.

Um estudo recente da Nationwide Children’s Hospital, em Ohio (EUA), comprovou que o toque entre mãe e filho é crucial para o desenvolvimento do bebê e ajuda em seu desenvolvimento cerebral, principalmente em bebês prematuros.

O estudo analisou 125 bebês, alguns deles prematuros, e viu como eles respondiam ao colo, o toque carinhoso. De acordo com a Dra. Nathalie Maitre, responsável pela pesquisa, é perceptível o quanto o contato físico ajuda no desenvolvimento da criança.

“Garantir que o bebê receba carinho, algo positivo e encorajador, é essencial para que seu cérebro responda mais rapidamente. Essa ‘coisa de pele’ dá a eles uma sensação similar ao que sentiam dentro da barriga da mãe, o que é ainda mais importante para os prematuros, caso a situação permita que eles fiquem alguns momentos fora da incubadora”, explica a especialista.

Tudo que os bebês precisam é de muito carinho e acolhimento nos primeiros meses. Não temos que ter medo de dar colo demais. Segundo especialistas, o colo oferece grandes benefícios para fortalecer os laços afetivos. E é isso que os nossos pequenos mais precisam: amor!

 

Fonte: Pais&Filhos

Page 2 of 2412345