15.07.2016

Mães Brasileiras pelo Mundo: Canadá

Mamães & Papais, Viagens

A coluna Mães Brasileiras pelo Mundo tem feito taaanto sucesso aqui no blog…. cada vez mais recebemos e-mails de mães querendo compartilhar suas histórias pelo mundo! Legal, né? Nós adoramos! É tão interessante conhecer outras culturas, ainda mais do ponto de vista das mães!

No post de hoje vamos para Vancouver, no Canadá, saber mais sobre as experiências da brasileira Vanessa, casada com o Ricardo, e mãe do Benjamin de 2 anos e da Melanie de 4 meses. Ela falou sobre parto, creches, a quantidade de atividades gratuitas para fazer com os pequenos por lá e muito mais!

canada_criancas

Parto e Gravidez

Há 3 anos me mudava para o Canadá, Vancouver. Como éramos só eu e meu marido resolvemos nos aventurar e fazer um intercâmbio deixando tudo no Brasil. A princípio fomos para estudar inglês e ficar 1 ano, mas gostamos tanto da cidade que estamos aqui até hoje.

Minha primeira gravidez foi em 2013/2014, foi tudo muito tranquilo, mesmo fazendo meu pré-natal em um hospital público. No Canadá funciona da seguinte maneira: o hospital público é gratuito para cidadãs Canadenses e quem tem visto há mais do que 6 meses pode ter o plano de saúde do governo (que em media custa 150 dólares por família).

O parto aqui também é normal, eles fizeram o que podiam para eu ter parto normal, mas infelizmente tive que fazer uma cesárea de emergência, pois o cordão umbilical estava enrolado no braço do meu filho, detalhe a cesárea foi coberta pelo MSP (Medical Service Plan) não paguei nada a mais pela cesárea.

Minha segunda gravidez 2015/2016 também foi uma gravidez tranquila e novamente cesárea. Meu sonho era ter parto normal, mas não consegui, mas meus filhos nasceram saudáveis isto que me importava.

Os quartos para aquelas que tem parto normal são enormes e privados e para aquelas que têm cesárea o quarto é privado, mas o banheiro é compartilhado. Gostei muito do tratamento que tive, sempre tinha uma enfermeira comigo me auxiliando no que eu precisasse.

Licença Maternidade

A licença maternidade é de 1 ano, podendo ser dividida com o pai, isto se você trabalha há pelo menos 6 meses em um emprego fixo.

Médicos/Pediatras

Em relação ao sistema de saúde daqui é bem diferente do Brasil, quando o bebê nasce vem uma enfermeira na sua casa verificar as condições do novo lar do bebê, eles olham o colchão, o berço se é apropriado, explica sobre amamentação, pesa o bebê, etc.

Depois de 2 semanas o bebê vai no médico, que seria um médico de família e não pediatra. Ele verifica peso, dá as vacinas e depois disso o bebê só volta quando está com 2 meses. Depois só com 4 meses, é bem diferente em relação ao Brasil, que os bebês vão todo mês ao pediatra.

Caso ocorra algo com o bebê você vai para o hospital mais próximo a sua residência, não vai nesse médico de família. O interessante é que este médico de família tem todo o histórico, sabe o dia que você passou no hospital e o que houve.

Creches/escolas e babás

As creches aqui são pagas até a criança completar 5 anos. A partir dessa idade o ensino é gratuito. O que acontece muito aqui no Canadá é que por ter muitos imigrantes as creches sempre estão lotadas, eles até dão dicas para colocar o nome das crianças quando você ainda estiver grávida, porque dependendo do local onde mora demora anos para ter uma vaga.

O legal aqui que acontece muito para imigrantes e residentes permanentes é que quando as creches estão lotadas e os pais realmente precisam trabalhar ou se tem baixa renda e não conseguem pagar,o governo ajuda a pagar a metade da creche. E no caso de a creche não ter vaga o governo paga uma babá. Aqui não é barato o trabalho de babás, mas vejo muitas crianças com babás.

As famílias de baixa renda têm uma ajuda de custo quando nascem os bebês até os 18 anos, mas se vai aumentado a renda da família vai diminuindo o valor desta ajuda.

Relação trabalho e qualidade de vida

Neste momento eu optei por cuidar das crianças e me dedicar a minha carreira quando eles estiverem maiorezinhos, mas vejo que a empresa do meu marido é super flexível. Quando meu marido precisa levar as crianças ao médico eles não criam caso, e com minhas colegas é a mesma coisa, eles fazem de tudo para você se dedicar a família.

Atividades com crianças

Tem muitas as atividades tanto no verão quanto no inverno, e tem também grupos de mães para reunirem as crianças e as mães. No verão os parques têm uma estrutura incrível para as crianças brincarem, os parques são tão enormes que dá tanto para brincar quanto para fazer um piquenique com as crianças, tem também as piscinas que são tipo um clube aí no Brasil e você paga somente 5 dólares.

No inverno tem as bibliotecas com muitas atividades como: o dia da história, o dia da música, sendo que tem a ala para bebês e para crianças maiores, e academias que oferecem atividades mães e filhos super bacanas onde você faz amizades, tanto a mãe quanto o filho.
Então atividades para as crianças não faltam.

Livros infantis

Tem muitas variedade e aqui você faz a carteirinha da biblioteca e pode pegar livros emprestados por alguns dias, sendo que a própria criança pode escolher o livro que ela quer ler. Eu estou intercalando um pouco com meu filho livros em português e inglês e, por enquanto, tem dado certo.

Amizades

Nada se compara com a amizade brasileira. Nós brasileiros abrimos a nossa casa e somos fáceis de fazer amizades, mas os Canadenses são mais fechados. Qualquer coisa que queiram fazer eles vão para restaurantes e barzinhos, nunca em suas casas.
Resumindo sinto falta destes eventos em casa.

Moda

Como no Canadá tem muitos imigrantes, a variedade de moda é muito grande. Tem para todos os gostos, tanto para nós como para as crianças. Eles se vestem não muito preocupados com que vão falar e sim se estão se sentindo bem. No começo fiquei meia assustada, porque via pessoas na rua que pareciam que tinham saído da cama e só colocado a bota e pronto, mas hoje em dia já me acostumei e me sinto mais leve e solta com a moda daqui.

Comida e Restaurante

Para criança temos em todos os restaurantes um menu kids, onde tem sempre comidas com legumes ou um fast food.

Para adultos posso dizer que tem um prato Canadense típico que se chama Poutine, que é nada mais batata frita, molho de carne e queijo. Mas o que mais tem são restaurantes de comida Japonesa, Mexicana, Persian, Coreana.

canada_criancas4

canada_criancas2

canada_criancas3

Comentários no Facebook
2 Comentários
  1. […] CHEGUEI AO MUNDO […]

    Responder
  2. Jullyane 24/05/2017 | 21:00

    Ano passado eu e meu esposo fomos fazer um intercâmbio no Canadá e amamos. Agora estou grávida de 2 meses e gostaria de saber como faço para ter o bebê aí?

    Responder
Deixe um comentário