06.03.2017

Ligeiramente Grávida – Kika (Promovida a mãe)

Ligeiramente Grávida, To Grávida

Hoje no “Ligeiramente Grávida” tem o relato da Kika. Ela é mãe da Laurinha e da Luisa e escreve para o blog Promovida a Mãe.

A Kika amou ficar grávida e topou dividir com a gente um pouco mais sobre as suas experiências em cada gravidez e como é ser mãe de duas meninas. Confiram!

kika_promovidaamae2

Oie! Sou a Kika do Blog Promovida a Mãe. Sou mãe de duas lindas princesas, a Laura hoje com 7 anos de muita travessura e a Luísa de 3 anos de grande vivacidade e inteligência.

Falar de gravidez é algo que me fascina! Como amei estar grávida e ser promovida a mãe…Sentia-me plena, bonita e poderosa gerando uma nova vida! Morro de saudades dos chutes, soluços e piruetas e não é incomum me pegar sonhando acordada com esse período!

Assim como cada filho é único, achei que as duas gestações foram únicas também! Cada uma teve a sua magia, porém foram 9 meses bem distintos… A segunda gravidez veio após um pouco mais de 3 anos do nascimento da minha primeira filha. Precisei desse tempo para realmente acreditar que poderia e deveria ser mãe novamente, pois passamos um susto com a nossa primogênita, no qual me marcou profundamente. Antes da Luísa chegar sofri um aborto espontâneo, outra marca profunda para mim e para todas as mulheres que vivenciam esse tipo de experiência! Mas como tudo na vida passa, viramos essa página e persistimos nos nossos sonhos! A nossa Luísa foi muito desejada e amada, outro presente que recebi em minha vida!

Na minha primeira gravidez, passei muito mal nos 3 primeiros meses. Já aconteceu de ter de parar o carro no meio da rua para… Vocês me entendem né? Rsrs. Porém foi uma gestação tranquila do começo ao fim. Trabalhei quase até o final da gestação, mas também tive muito tempo para curtir cada segundo. Como mãe de primeira viagem, pesquisei e li muito sobre a maternidade…

Já na segunda gravidez o inicio foi maravilhoso, mas, com 30 semanas de gestação, perdi o meu tampão mucoso e tive que encarar um repouso absoluto por 8 semanas. Esse período foi extremamente difícil, pois, já tinha a Laurinha que me demandava muita atenção! A “culpa” foi um sentimento que surgiu na segunda gestação. Pelo fato de já ter vivenciado uma gravidez, associado ao fato de ter uma criança que me tomava todo o tempo e as tarefas do dia a dia, não sobrava muito tempo para “curtir” a barriga. Lembro que na gravidez da Laurinha conseguia acariciar, cantar e me conectar mais com a barrigona! Mas como toda mãe carrega culpa, hoje entendo que isto é perfeitamente aceitável!

A decisão de ter o segundo filho foi uma das melhores da minha vida! As duas me completam, se completam e tornam a minha família, a mais feliz do mundo! Agradeço todos os dias pela oportunidade e o privilégio de ser mãe de duas meninas tão maravilhosas!

kika_promovidaamae

Comentários no Facebook
2 Comentários
  1. Nagela Cardoso 08/03/2017 | 15:47

    Achei este ligeiramente sem emoção :(

    Responder
  2. elisa 08/03/2017 | 17:55

    Que lindo amei o blog

    Responder
Deixe um comentário